top of page

EM TUDO, AMEMOS UNS AOS OUTROS!

Quem não ama não conhece a Deus, porque Deus é amor. Se alguém afirmar: "Eu amo a Deus", mas odiar seu irmão, é mentiroso, pois quem não ama seu irmão, a quem vê, não pode amar a Deus, a quem não vê. 1 João 4:8 e 20


Todos nós já vivenciamos em nossas casas, trabalho, instituições de ensino, igrejas, na sociedade em geral situações onde enxergamos nas pessoas coisas que simplesmente não concordamos. E, por essa razão, em nosso coração é gerado uma vontade convicta de nos afastarmos do outro. O que nós não entendemos, que amar não tem haver com o quanto a gente recebe, com o quanto somos agradados de algum jeito, mas sim, sobre o tanto que entregamos.


Em João 3:16 o Senhor vai nos ensinar através do seu próprio exemplo o que significa amar, Ele nos diz: "Porque DEUS AMOU o mundo de tal maneira QUE ENTREGOU o seu único filho, para que todo aquele que Nele crê, não pareça, mas tenha a vida eterna". Ele doou o que tinha de mais precioso em favor de uma humanidade que, ainda hoje, muitos não o reconhecem como Pai de amor, Senhor e salvador. Seu objetivo foi amar, se doar. O propósito era estar acessível em relacionamento para todo aquele que assim acreditasse.


Não estou dizendo que andaremos grudados 24 horas com as pessoas e que isso signifique amar. Estou dizendo que todo aquele que por alguma razão Deus permitiu que cruzasse o nosso caminho, devemos nos doar por ele, aceitá-lo como é, e, ao fazermos a escolha de amá-lo, ele conseguirá sentir de forma palpável Deus, o próprio amor, através de nossas vidas. Não vamos concordar com tudo, mas o Senhor está nos chamando para amarmos apesar disso. Aceitar o outro e servir com o nosso melhor, não está ligado ao quanto o outro merece ou não, mas sim ao quanto de Jesus estamos dispostos a expressar. O Senhor deseja que a cada passo sejamos intencionalmente parecidos com Ele. Porque o filho faz, o que vê o Pai fazer (João 5:19).



Caro leitor,

Seja tudo o que venhamos a fazer, façamos como quem faz para o Senhor!

(Colossenses 3:17). As pessoas precisam saber quem Deus é, e somente os nossos atos de amor irão demonstrar isso. Devemos escolher renunciar a nós mesmos em favor de Cristo. Ele precisa ser visto, lembrado, conhecido e vivido. Ele é a própria vida, e deseja que todos saibam que Ele foi, é e continuará sendo suficiente. Precisamos ser um, como o Pai em Cristo é. João 17:11 - "Não ficarei mais no mundo, mas eles ainda estão no mundo, e eu vou para ti. Pai santo, protege-os em teu nome, o nome que me deste, para que sejam um, assim como somos um.

2 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comments


bottom of page